Cursos para corretor de seguros: confira os que você precisa fazer!

curso para corretor de seguros

Um bom curso para corretor de seguros pode fazer enorme diferença na produtividade e na eficiência de um profissional da área. Isso é válido em qualquer segmento, mas no ramo de seguros existem particularidades e dificuldades específicas. Por isso, formatos de capacitação elaborados especialmente para corretores podem agregar valor à sua prestação de serviço.

A troca de experiências com profissionais que passam pelas mesmas situações e uma abordagem que trata dos temas importantes para o segmento, com o uso de uma linguagem comum, facilita a assimilação, a memorização e o aproveitamento prático das informações.

Por isso, conheça e avalie os cursos que não podem faltar no currículo de qualquer profissional do ramo!

1. Habilitação da profissão

A habilitação é uma obrigação regulamentar da profissão de corretagem. Denominada como Prova da Susep – Superintendência de Seguros Privados, instituição responsável pelo controle e fiscalização no setor, ela é um requisito básico para exercer legalmente a profissão.

Para obter tal licença, todo corretor deve fazer um exame, aplicado pela Funenseg – Escola Nacional de Seguros, que é aplicado 3 vezes a cada ano. Atualmente há instituições de ensino que oferecem cursos presenciais e/ou online de preparação para realizar o exame.

A participação nestes cursos não é obrigatória para a realização da prova, mas facilita muito. Após ser aprovado no exame, o profissional só precisa apresentar a comprovação na Susep e dar andamento ao seu registro.

Apesar de não ser obrigatório, você não deve pensar nestes cursos apenas em razão da prova de habilitação. A Escola Nacional de Seguros, por exemplo, oferece uma grade abrangente, que te dará conhecimentos sobre matemática financeira, gestão da corretora, empreendedorismo, gerenciamento de riscos, dentre outros.

2. Técnicas de venda e negociação

Saber vender e negociar são habilidades imprescindíveis para um corretor de sucesso! Ter poder de persuasão e de argumentação é fundamental para abordar com segurança o público e angariar clientes.

Considerando este ponto de vista, uma boa sugestão de curso gratuito é o Como Vender Mais e Melhor do Sebrae. Nesta capacitação você aprenderá a lidar com o seu potencial cliente, compreendendo as suas objeções e necessidades, para encantá-lo e surpreendê-lo com a sua solução, produto ou serviço.

Além disso, será possível descobrir os aspectos que mais influenciam durante uma venda e usar isso a seu favor. O curso não é focado para corretores, contudo, todo profissional que trabalha com vendas deve fazê-lo.

3. Conhecimento do produto

É impossível oferecer uma boa solução para os clientes se, mesmo entendendo seus problemas, o corretor não tiver conhecimento aprofundado sobre os produtos que pode oferecer.

Assim sendo, nós te sugerirmos fazer uma busca online e procurar por instituições que ofereçam capacitações direcionadas para cada tipo de seguro existente.

Atualmente existem algumas delas, inclusive, ofertando graduação e pós-graduação, voltados a produtos específicos, como previdência privada. Isso sem contar as opções sobre resseguro e gestão jurídica do seguro.

Além disso, considere também a participação em cursos referentes às tecnologias desenvolvidas para o segmento. Esse é um mercado que inova o tempo todo e é preciso manter-se informado, evitar erros e aproveitar melhor os recursos disponíveis. 

Por fim, não menos importante que a escolha do conteúdo a ser abordado em um curso para corretor de seguros é a competência e a reputação da instituição que ministra o treinamento. Obter informações erradas pode ser tão prejudicial quanto não tê-las. Por isso, busque referências e certificações que não lhe deixem duvidas.

Independentemente da sua escolha, continue adquirindo conhecimento por meio das nossas postagens. Acesse e curta nossa página no Facebook e tenha acesso facilitado a esses conteúdos.

Comente e Compartilhe